Cuiabá, 21 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,60
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Esportes Quinta-feira, 21 de Março de 2024, 14:46 - A | A

21 de Março de 2024, 14h:46 A- A+

Esportes /

Árbitra do DF estreia em competição nacional e mira Copa do Mundo

Cássia França será a primeira mulher do Distrito Federal a atuar como árbitra principal em uma partida de torneio nacional e tem ambições

RÔMULO MAIA
DO METRÓPOLIS

árbitra Cássia França fará nessa quinta-feira (21/3) sua estreia em uma competição nacional como árbitra. Ela será a responsável por apitar a partida entre Botafogo X Grêmio, pela Série A1 do Brasileirão Feminino, às 15h. Antes, havia atuado apenas como assistente nos principais torneios do país.

Formada em educação física, Cássia será a primeira mulher do Distrito Federal a apitar uma partida em competições nacionais. Ela entrou para o curso de arbitragem em 2017, através de um convite do assistente Daniel Henrique, que também é de Brasília. Concluiu o curso e começou a trabalhar em torneios locais.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

Sua estreia como árbitra foi em abril de 2018, em um campeonato de base na Aarena BRB Garrincha. Também atuou pela Segundinha, a segunda divisão do Campeonato Candango, em setembro do mesmo ano, como quarta árbitra.

Passou a atuar como assistente e entrou para o quadro da Federação. Na nova função, estreou na partida entre Bolamense e Sobradinho, no Candangão 2019. Com o bom trabalho que fez, Cássia entrou para o quadro da CBF em 2020, atuando em competições nacionais como a Copa do Brasil Sub 17 e Sub 20, Série D e a Série A1 e A2 do Brasileirão Feminino.

Apesar do bom desempenho, Cássia topou mais um desafio na carreira, e voltará a atuar como árbitra, sonhando alto, com uma Copa do Mundo. “Estrear como árbitra em uma grande competição nacional é um passo muito importante para mim. Quebrei barreiras, trabalhei bastante para tornar esse sonho realidade, e graças a Deus vem dando certo. Deus realiza o impossível. Vou trabalhar muito para um dia estar em uma Copa do Mundo”, diz ela.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation