Cuiabá, 14 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,43
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Polícia Quarta-feira, 10 de Julho de 2024, 09:16 - A | A

10 de Julho de 2024, 09h:16 A- A+

Polícia / "CONTRA E BANDUM"

Polícia Federal deflagra operação para reprimir o contrabando e desmantelar organizações criminosas no MS

Associação criminosa estava envolvida na organização logística, recebimento de valores e coordenação de grupos através de aplicativos para realizar crimes de contrabando e descaminho

PAULA VALÉRIA
DA REDAÇÃO

A Polícia Federal de Mato Grosso do Sul (PF-MS) deflagrou a operação Contra e Bandum, em cumprimento de mandados de busca e apreensão, quebra de sigilo bancário e sequestro de bens, conforme autorização da Justiça Federal de Dourados (MS). Essas ações são parte dos esforços contínuos da PF para combater atividades ilícitas transfronteiriças que afetam a segurança e a economia da região.

A investigação revelou que uma associação criminosa estava envolvida na organização logística, recebimento de valores e coordenação de grupos através de aplicativos para realizar crimes de contrabando e descaminho. 

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo linkFTN BRASIL

Os detalhes adicionais sobre a operação revelam a complexidade e a sofisticação das atividades criminosas investigadas pela Polícia Federal de Mato Grosso do Sul. Os investigados não apenas geriam grupos e coordenavam participantes, mas também utilizavam informações de olheiros e cooptados para evitar bloqueios e ações das forças policiais e de fiscalização. A logística dos crimes era ajustada continuamente, e havia um sistema estruturado de pagamentos semanais em contas bancárias dos gestores do grupo. Essa comunicação em tempo real entre os associados facilitava a operação eficiente e clandestina das atividades ilícitas de contrabando e descaminho na região.

A Polícia Federal de MS tem intensificado suas patrulhas e inspeções para interceptar atividades ilegais, como contrabando de drogas, armas e outros produtos ilícitos, muitas vezes utilizando veículos roubados ou falsificados para transportar mercadorias ilegais.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation