Cuiabá, 21 de Junho de 2024
DÓLAR: R$ 5,45
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Polícia Quinta-feira, 23 de Maio de 2024, 16:20 - A | A

23 de Maio de 2024, 16h:20 A- A+

Polícia / "ENERGIA LIMPA"

Operação conjunta flagra esquema de desvio de energia em uma empresa de Cuiabá

Com a fraude, mais de R$ 100 mil eram deixados de ser pagos em impostos ao estado

ELISA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

Uma nova fase da Operação Energia Limpa, realizada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública e a concessionária de energia de Mato Grosso, flagrou um esquema de desvio de energia em uma empresa de Cuiabá. Com a fraude, mais de R$ 100 mil eram deixados de ser pagos em impostos ao estado. 

A ligação clandestina foi descoberta após investigações conjuntas entre a Energisa e a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá, finalizadas nesta semana, na capital. A Politec-MT fez perícia no local. 

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL 

Para se ter uma ideia, só o total de impostos que deixaram de ser pagos, daria para comprar mais de 15 mil quites de merenda escolar. Agora, além dos valores devidos, o acusado ainda vai ter que pagar quase meio milhão em contas atrasadas. 

“Nesse trabalho, nos já identificamos outros alvos para futuras operações. É uma questão de tempo. No caso da mineradora, as nossas equipes constataram que a empresa estava consumindo parte da energia sem passar pelo medidor”, explica o gerente de combate a perdas Luciano Lima.

Prisões

Só neste ano sete pessoas foram presas por furto de energia no estado. A última prisão foi em Rondonópolis no fim de semana. A Energisa foi acionada pela Polícia Civil para averiguação de suspeita de furto de energia. 

O flagrante ocorreu durante um cumprimento de mandado de busca e apreensão pela Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa de Rondonópolis. Durante a diligência, a equipe constatou o furto de energia, então os investigadores acionaram a equipe da Energisa, que fez a vistoria no local e comprovou o furto. 

A Energisa possui um centro de monitoramento de fraudes e quem quiser denunciar situações suspeitas pode entrar em contato pelos canais de atendimento: 0800 646 4196 / Site: www.energisa.com.br ou WhatsApp: (65) 99999-7974, na opção 15.

 
 

Comente esta notícia

NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO