Cuiabá, 20 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,60
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Internacional Segunda-feira, 11 de Março de 2024, 13:41 - A | A

11 de Março de 2024, 13h:41 A- A+

Internacional /

Pilotos dormem e avião sai da rota na Indonésia

O copiloto do avião explicou que estava cansado porque é pai de gêmeos de 1 mês de idade. Ninguém ficou ferido e não houve danos

LEONARDO MEIRELES
DO METRÓPOLIS

Uma investigação feita por autoridades da Indonésia indicou que piloto e copiloto de um avião teriam dormido e deixado o voo seguir por uma rota errada. O voo da Batik Air Indonesia, de 25 de janeiro, BTK6723, transportava 153 passageiros do aeroporto Halu Oleo, em Kendari, para o aeroporto internacional Soekarno-Hatta, em Jacarta.

No documento do Comitê Nacional de Segurança nos Transportes da Indonésia, o copiloto, pai de gêmeos de 1 mês de idade, admitiu que “sua qualidade de sono foi degradada pelos vários despertares” dos bebês na noite anterior ao voo. Ele cochilou enquanto o piloto tinha pedido autorização para dormir.

Eles não tiveram os nomes divulgados. Tinham completado uma viagem no sentido oposto, de Jacarta a Kendari. Assim que o voo de regresso a Jacarta decolou e o avião atingiu a altitude de cruzeiro de 36.000 pés, o piloto de 32 anos pediu permissão para descansar.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

Ele acordou e perguntou ao copiloto, de 28 anos, se ele queria dormir. O rapaz disse que não era preciso e o piloto voltou para o sono. No comando, o copiloto pediu para mudar a trajetória de voo a fim de evitar o mau tempo. Recebeu instruções e, nesse meio tempo, acabou cochilando.

Piloto corrigiu trajetória

Ao acordar, o comandante viu que eles não estavam na trajetória correta. Voltou à rota original e pousou em Jacarta. Segundo o relatório, ninguém se feriu e não houve danos ao equipamento.

A investigação das autoridades não diz se eles foram punidos, mas assegura que eles tinham feito exames de rotina, como pressão arterial e frequência cardíaca, e também de álcool no organismo. E tudo estava normal.

O copiloto, além de ter filhos muito novos, estava de mudança. E todos esses eventos o fizeram “ter a qualidade do sono degradada”.

 

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation