Cuiabá, 22 de Junho de 2024
DÓLAR: R$ 5,43
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Internacional Sexta-feira, 24 de Maio de 2024, 11:45 - A | A

24 de Maio de 2024, 11h:45 A- A+

Internacional /

Lula lamenta morte de brasileiro refém do Hamas: “Imensa tristeza”

Exército de Israel anunciou, nesta sexta, que o corpo de Michel Nisenbaum foi recuperado junto dos corpos de outros dois reféns durante uma operação especial em Gaza

LÉO LOPES
DA CNN

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lamentou, nesta sexta-feira (24), a morte do brasileiro refém do Hamas, Michel Nisenbaum, e disse que o Brasil seguirá lutando pela libertação dos reféns.

O Exército de Israel anunciou, nesta sexta, que o corpo de Michel foi recuperado junto dos corpos de outros dois reféns durante uma operação especial em Gaza.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

“Soube, com imensa tristeza, da morte de Michel Nisembaum, brasileiro mantido refém pelo Hamas”, escreveu Lula em publicação no X (antigo Twitter).

 

 

“Conheci sua irmã e filha, e sei do amor imenso que sua família tinha por ele. Minha solidariedade aos familiares e amigos de Michel”, continuou o presidente.

“O Brasil continuará lutando, e seguiremos engajados nos esforços para que todos os reféns sejam libertados, para que tenhamos um cessar-fogo e a paz para os povos de Israel e da Palestina”, concluiu.

A informação de que o corpo de Michel foi resgatado em Gaza foi anunciada pelo porta-voz do Exército de Israel, Daniel Hagari, em pronunciamento na manhã desta sexta-feira.

“É com pesar que compartilho que ontem à noite as forças especiais israelenses em Gaza resgataram os corpos dos nossos reféns Hanan Yablonka, Michel Nisenbaum e Orion Hernandez”, afirmou Hagari, acrescentando que os três foram mortos durante os ataques do Hamas em 7 de outubro.

“Michel, um cidadão israelense e brasileiro, estava a caminho para buscar sua neta de 4 anos. Ele foi assassinado por terroristas do Hamas e seu corpo foi levado para Gaza”, completou o porta-voz.

Os corpos foram localizados na região de Jabalya, no norte de Gaza, onde houve uma retomada recente nos combates entre Israel e homens do Hamas.

Os corpos foram identificados por autoridades médicas do Instituto Forense Nacional de Israel e pela polícia israelense, disseram os militares.

Quem era Michel Nisenbaum

Michel Nisenbaum nasceu em Niterói, no Rio de Janeiro, e morava em Sderot, a cerca de 1 km da Faixa de Gaza.

Michel Nisenbaum está desaparecido desde 7 de outubro.
Forças israelenses recuperam corpo de Michel Nisenbaum / Reprodução/redes sociais

O brasileiro de cidadania israelense vivia no país desde os 12 anos e trabalhava com tecnologia da informação.

Especializado em computação, Nisenbaum havia passado a atuar como guia turístico em Israel recentemente.

Ele deixa duas filhas e cinco netos.

Em entrevista à CNN Brasil, em novembro, a irmã de Nisenbaum Mary Shohat, informou que Nisenbaum foi sequestrado pelo Hamas quando estava a caminho de uma base militar israelense para buscar uma das netas que estava acompanhando o pai no serviço.

O carro dele foi encontrado pelas autoridades israelenses carbonizado numa estrada da região de fronteira com a Faixa de Gaza.

 

Comente esta notícia

NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO