Cuiabá, 17 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,48
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Internacional Terça-feira, 20 de Fevereiro de 2024, 17:24 - A | A

20 de Fevereiro de 2024, 17h:24 A- A+

Internacional /

EUA vão impor novas sanções contra Rússia após morte de Alexei Navalny

Vladimir Putin deve ser responsabilizado pela guerra da Ucrânia e pela morte do principal opositor russo, segundo porta-voz do Conselho de Segurança Nacional

CAMILA DECHALUS, DONALD JUDD, SAMANTHA WALDENBERG
DA CNN

A Casa Branca anunciará um grande pacote de sanções contra a Rússia nesta sexta-feira (23), disse o porta-voz do Conselho de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Kirby, nesta terça-feira (20).

As sanções responsabilizarão o presidente russo, Vladimir Putin, pela guerra da Rússia na Ucrânia, que completa dois anos no sábado (24), e pela morte do líder da oposição Alexey Navalny, segundo a autoridade.

Kirby também reforçou os pedidos ao Congresso para que aprove o pacote de segurança nacional, vinculando diretamente a ajuda à Ucrânia ao projeto, que permanece estagnado na Câmara dos Representantes, controlada pelos Republicanos.

“Uma das coisas mais poderosas que podemos fazer agora contra Vladimir Putin, é claro, é aprovar novamente o pacote suplementar bipartidária de segurança nacional e apoiar a Ucrânia enquanto eles continuam lutando bravamente e defendendo seu país”, destacou.

O presidente Joe Biden também comentou o próximo anúncio na Casa Branca nesta terça-feira, dizendo a repórteres que ouviriam mais dele sobre o assunto nesta sexta.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

“Eu disse que anunciaríamos sanções à Rússia – teremos um grande pacote anunciado na sexta-feira”, destacou à imprensa antes de deixar a Casa Branca para uma campanha de arrecadação de fundos de três dias na Califórnia.

Enquanto isso, o conselheiro de segurança nacional de Biden, Jake Sullivan, afirmou a repórteres em uma ligação nesta terça que as novas sanções contra a Rússia vão impactar uma “gama significativa de alvos que trabalhamos persistente e diligentemente para identificar, para continuar impond custos pelo que a Rússia fez – pelo que fez a Navalny, pelo que fez à Ucrânia e pela ameaça que representa para a paz e a segurança internacionais”.

 

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation