Cuiabá, 20 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,60
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Geral Quarta-feira, 08 de Maio de 2024, 07:54 - A | A

08 de Maio de 2024, 07h:54 A- A+

Geral / APOIO INTERNACIONAL

Países vizinhos prestam solidariedade e oferecem ajuda às vítimas das chuvas

Portugal, Venezuela, Argentina, Itália e Uruguai se solidarizam com o estado brasileiro

PAULA VALÉRIA
DA REDAÇÃO

Países como Venezuela, Argentina, Itália, Uruguai e Portugal expressaram seu apoio e ofereceram auxílio humanitário para ajudar as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.

A solidariedade internacional é fundamental em momentos de crise como esse, e a colaboração entre países vizinhos e parceiros em todo o mundo é essencial para enfrentar desastres naturais e emergências humanitárias. 

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL 

O governo do Uruguai, de Javier Milei anúncio no último sábado (4) pelo X (Antigo Twitter), que enviará um helicóptero para ajudar no resgate das vítimas. O Ministério da Defesa Nacional disse que a operação será realizada após mediação com o governo estadual e o Ministério das Relações Exteriores.

De acordo com comunicado oficial da Casa Rosada, o governo argentino, por meio do Ministério da Defesa, o Ministério de Segurança e a Comissão de Capacetes Brancos do Ministério das Relações Exteriores, que são encarregados de planejar e executar ajuda humanitária, ofereceu ao governo brasileiro sua total colaboração, colocando à disposição:

Brigada composta por 20 efetivos e cães da Polícia Federal Argentina;

Especialistas em logística da Comissão Capacetes Brancos;

1 avião para transporte de pessoas e/ou carga;

3 helicópteros para transporte e retiradas;

Equipamento móvel de saúde com pessoal médico;

Mergulhadores táticos da Marinha Argentina;

Unidades de engenharia com embarcações;

2 plantas de purificação de água;

Caixas de tabletes purificadores de água;

A primeira-ministra da Itália, Giorgia Meloni, nesse domingo (5), também através do X,  prestou condolências a todas as famílias desabrigadas. A publicação foi respondida pelo presidente Lula. ''Obrigado pela solidariedade a essa região do Brasil, que também tem tantos descendentes de italianos que imigraram para nosso país.''

Já a Argentina se colocou à disposição das autoridades brasileiras para a assistência imediata da população gaúcha. O governo argentino expressou solidariedade à região Sul e disse poder contribuir com os elementos necessários para atender às vítimas.

O ministro das relações exteriores da Venezuela, Yván Gil Pinto, em nome do presidente Nicolas Maduro, também ofereceu apoio ao governo brasileiro. Ele publicou na sexta-feira (3) um vídeo em que mostrava casas alagadas, carros submersos e pessoas desalojadas no Rio Grande do Sul, prestando solidariedade.

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Souza, transmitiu solidariedade aos familiares das vítimas e ao presidente Lula. ''Sequência das cheias devastadoras que têm atingido o Estado do Rio Grande do Sul, provocando a morte de dezenas de pessoas, assim como o desalojamento de numerosas famílias, e afetando gravemente milhares de casas e infraestruturas essenciais'', descreveu o comunicado.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation