Cuiabá, 12 de Junho de 2024
DÓLAR: R$ 5,41
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Cidades Terça-feira, 21 de Maio de 2024, 10:38 - A | A

21 de Maio de 2024, 10h:38 A- A+

Cidades /

Campanha mobiliza cerca de 200 pacientes em ação de conscientização sobre perigos do câncer bucal

As atividades têm como objetivo promover e divulgar a conscientização da população para o diagnóstico precoce do câncer bucal, buscando alertar sobre os fatores que aumentam a probabilidade de desenvolvimento do câncer, como fumo, álcool, alimentação

DA REDAÇÃO

As ações da campanha "Maio Vermelho", mês da conscientização sobre o câncer bucal, realizadas no último sábado (18) pela Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá (SMS), por meio da Coordenadoria Municipal de Saúde Bucal, atenderam cerca de 200 pacientes nas nove unidades onde foram realizadas as atividades. Desse total, cerca de 12 pacientes foram encaminhados para diagnóstico e 82 para tratamento odontológico.

As atividades têm como objetivo promover e divulgar a conscientização da população para o diagnóstico precoce do câncer bucal, buscando alertar sobre os fatores que aumentam a probabilidade de desenvolvimento do câncer, como fumo, álcool, alimentação, exposição ao sol, imunossupressão, idade, irritação da mucosa bucal, entre outros.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL 

A campanha aconteceu nas unidades do USF São Gonçalo, UBS Ilza Terezinha Picolli, USF Alvorada, USF Despraiado I e II, USF Nico Baract, USF Novo Colorado, UF Pera 90 I e II, USF Rio dos Peixes.

Segundo a coordenadora técnica de Saúde Bucal da SMS de Cuiabá, Sueli Ciappina, durante todo o mês de maio, a equipe responsável pela saúde bucal no município está intensificando o atendimento e fazendo um alerta à população sobre a importância de procurar uma unidade básica de saúde diante de qualquer aparecimento de lesão na boca ou gengiva. O diagnóstico precoce pode contribuir para o tratamento e a cura da doença.

"O diagnóstico do câncer bucal é realizado por meio de exames clínicos, como a inspeção da boca e a palpação do pescoço, e ainda por biópsia. É importante que as pessoas façam consultas regulares com o dentista e o médico para prevenir e diagnosticar precocemente essa doença", alerta a coordenadora.

A responsável técnica explica ainda que a maioria dos casos é diagnosticada já em estágios avançados, o que prejudica o tratamento e, consequentemente, a cura.

No próximo sábado (25), as ações voltarão a ser realizadas nas unidades do USF 1° de Março, USF João Bosco, Clinica da Família, USF Jardim Vitória I, ll e lll e USF Atalaia. Além disso, a população pode procurar uma unidade básica de saúde nos demais dias da semana, onde serão atendidos e encaminhados para diagnóstico e tratamento imediatamente.

Comente esta notícia

NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO