Cuiabá, 24 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,66
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Política e Eleições Quarta-feira, 07 de Fevereiro de 2024, 08:01 - A | A

07 de Fevereiro de 2024, 08h:01 A- A+

Política e Eleições / GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL

Presidente Lula e ministra da Saúde Nísia Trinidade anuncia implantação do Hospital Oncológico de Belford Roxo

Em Belford Roxo (RJ), presidente anuncia aporte de R$ 55 milhões para construção de Instituto Federal e Hospital Oncológico que vão beneficiar moradores da Baixada Fluminense

ELISA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou, nesta terça-feira (06), do anúncio da construção da sede definitiva do campus Belford Roxo do Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ), na Baixada Fluminense, e da implantação do Hospital Oncológico do município. No total, o Governo Federal vai destinar R$ 55 milhões para os dois projetos.

O campus está em funcionamento em espaço provisório desde 2016. Após acordo com a Prefeitura, foi formalizado o repasse do terreno para a construção da nova sede. O empreendimento terá investimento de R$ 15 milhões do Ministério da Educação (MEC). Já a construção do Hospital Oncológico conta com investimento de cerca de R$ 40 milhões para procedimentos de alta e média complexidade e atenção primária (atendimento básico), com estrutura de UTI adulto e infantil.

“O câncer é uma doença muito ruim. Eu tive câncer na garganta. Eu sei o que é fazer 33 radioterapias, fazer quimioterapia, eu sei o que é ter câncer”, afirmou Lula. “Nós vamos inaugurar o hospital ainda enquanto eu for presidente da República deste país, para que as pessoas sejam tratadas com decência e com respeito, porque não é possível que quem tem dinheiro pode, em qualquer lugar do mundo, se tratar e quem é pobre morre sem conseguir uma consulta neste país”, completou.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

O presidente destacou a ampliação de R$ 48 bilhões do orçamento da saúde neste ano e a importância da prevenção de doenças. “A gente tem que investir na saúde não depois que a pessoa está doente, a gente tem que investir na prevenção, para evitar que as pessoas fiquem doentes, porque quando ela fica doente custa mais. É melhor, então, investir muito antes. É por isso que a gente vai investir muito na educação, na formação profissional, na saúde e na geração de emprego”, argumentou.

ENSINO TÉCNICO — Os recursos federais vão ampliar a oferta de vagas em educação profissional e tecnológica e melhorar a infraestrutura do campus de Belford Roxo para estudantes, professores e comunidades da região, com modernização de salas de aula, biblioteca e restaurante estudantil — além de área de convivência, quadra poliesportiva, laboratórios, estacionamento e salas administrativas. A unidade atua na oferta de cursos técnicos, qualificação profissional e superiores nas áreas para formação de professores, administração, logística, moda e artesanato.

O ministro da Educação, Camilo Santana, ressaltou que a unidade provisória hoje atende 200 jovens, enquanto a sede definitiva poderá atender 1.400. “A partir do ano que vem, se Deus quiser, aqui em Belford Roxo, nós vamos ter um dos mais belos campus de institutos federais do Brasil”, disse.

“São de pequenas coisas que a gente vai fazendo que a gente vai construindo uma pátria
educadora. Uma pátria em que as pessoas começam a sentir que elas têm direitos e que
os direitos delas são atendidos por aqueles que governam. Porque é pra isso que nós somos eleitos”, defendeu Lula.

O Governo Federal vai construir novos institutos federais no estado do Rio de Janeiro. “Hoje eu anunciei uma escola técnica em Magé, amanhã eu vou anunciar no Complexo do Alemão e vou anunciar escola técnica na Cidade de Deus, em São Gonçalo e em Teresópolis”, disse o presidente.

“A primeira escola técnica feita no Brasil foi feita pelo presidente Nilo Peçanha, na cidade de Campos dos Goytacazes, em 1909. De 1909 até a gente chegar ao governo, em 2003, tinham sido feitas 140 escolas técnicas. A Dilma e eu, com 16 anos de governo, vamos fazer mais de 600 escolas técnicas neste país, para que a gente não fique devendo a lugar nenhum”, afirmou.

TRATAMENTO — O projeto inicial do Hospital Oncológico no bairro de Heliópolis prevê ainda que a unidade terá três centros cirúrgicos, enfermaria com 27 leitos; CTI (11 leitos); seis leitos de unidade intensiva; sala de tratamento quimioterápico (20 leitos); sala de medicação (4 leitos); sala de tratamento alternativo (14 leitos) e sala de observação (seis leitos).

“Esse Hospital Oncológico que o presidente está doando de presente para a cidade não atende só Belford Roxo, mas toda a Região Metropolitana que é carente e precisa de Hospital Oncológico. Essa escola técnica federal do IFRJ vai estar aqui, mas atenderá toda a nossa Região Metropolitana, dando oportunidade às pessoas de ter acesso a um ensino de qualidade a nível federal”, ressaltou o prefeito de Belford Roxo, Waguinho.

A profissional de saúde Stefani Conceição da Silva comemorou a construção da unidade hospitalar no município. “Quando um hospital oncológico é implantado em Belford Roxo, é implantada esperança. Não é implantado somente um equipamento onde pessoas vão entrar e sair, é implantado um equipamento onde pessoas terão a oportunidade de se tratar na Baixada Fluminense e sobreviver”, disse a moradora da região, que também cuida do pai internado com câncer.

HOMENAGEM — Mais cedo, o presidente Lula participou da inauguração da Escola Municipal Araújo Lula da Silva, em Belford Roxo (RJ). O nome da unidade de ensino faz homenagem ao neto do presidente, falecido em 2019.

 

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation