Cuiabá, 14 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,43
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Política e Eleições Domingo, 23 de Junho de 2024, 11:30 - A | A

23 de Junho de 2024, 11h:30 A- A+

Política e Eleições / LOGÍSTICA E COMERCIAL

Nova ponte entre Mato Grosso do Sul e Paraná vai reduzir distância até o Porto de Paranaguá

Nesta sexta-feira (21), o governador Eduardo Riedel reafirmou o compromisso do Mato Grosso do Sul na construção de uma nova ponte, que vai ligar o Estado ao Paraná

PAULA VALÉRIA
DA REDAÇÃO

O governador Eduardo Riedel reiterou o compromisso do Estado de Mato Grosso do Sul na construção de uma nova ponte que ligará seu território ao Paraná. Em uma reunião realizada nesta sexta-feira (21), ele se encontrou com representantes da sociedade civil paranaense para debater esse importante projeto. A nova ponte está projetada para encurtar em até 130 km a distância até o Porto de Paranaguá, proporcionando uma significativa melhoria na logística de transporte entre os dois estados.

Ponte MS a PR

A nova ponte planejada entre Mato Grosso do Sul e o Paraná terá uma extensão de 2 km, sendo um marco significativo para a região. Esta infraestrutura é esperada para reduzir custos e aumentar a competitividade no transporte da produção local. A Itaipu contratou o projeto EVTEA (Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental) para determinar o traçado mais adequado. A previsão é de que o estudo esteja concluído até agosto, fornecendo informações cruciais para o avanço do projeto.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo linkFTN BRASIL 

Do lado do Mato Grosso do Sul, o governador confirmou que assim que ficar pronto o estudo, com a definição do traçado mais viável, vai viabilizar a pavimentação do trecho da MS-473, para acesso a estrutura da ponte.

"Esta obra é estratégica para Mato Grosso do Sul, do nosso lado vamos fazer nossa parte, não vejo mais como retornar. Vamos ser parceiros e trabalhar junto com o Paraná. Esforço de todos. Agora é o momento de esperar o estudo ficar pronto para saber qual é o melhor traçado. Depois junto com o Paraná vamos buscar recursos para construção da ponte", afirmou Riedel.

O secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Helio Peluffo, explicou que todo projeto começa pela obra de pavimentação da PR-577 no Paraná, que vai se encontrar com a MS-473. "Do nosso lado vamos esperar a definição do estudo para saber o melhor traçado, em relação ao fator econômico, técnico e com menor impacto ambiental. Entre as opções estão Nova Andradina, Taquarussu e Batayporã. É uma economia de 130 km até Paranaguá. Projeto de mão dupla com o Paraná. Depois os dois estados vão buscar recursos junto a Itaipú para construir a ponte".

Representando a comitiva do Paraná, Demerval Silvestre, ressaltou que hoje foi uma reunião histórica. Ele é presidente da Socipar (Sociedade Civil Organizada do Paraná). "Será uma obra de integração do Mato Grosso do Sul com o Paraná. Neste caminho envolve o desenvolvimento do agro e turismo. Uma obra importante ao Brasil".

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation