Cuiabá, 20 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,60
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Política e Eleições Sábado, 13 de Abril de 2024, 11:30 - A | A

13 de Abril de 2024, 11h:30 A- A+

Política e Eleições / TELESAÚDE

Durante congresso brasileiro em Goiânia, governador Caiado destaca importância da telemedicina

No evento ocorrido nesta sexta-feira (12), o governador de Goiás falou sobre inovações em telemedicina desenvolvidas pelo Estado

PAULA VALÉRIA
DA REDAÇÃO

Os avanços que a tecnologia aplicada à medicina trazem para a sociedade foram enaltecidos pelo governador de Goiás Ronaldo Caiado nesta sexta-feira (12), durante abertura oficial do XI Congresso Brasileiro de Telemedicina e Telessaúde, em Goiânia. Caiado ressaltou a importância da telemedicina e telessaúde como ferramentas que possibilitam um atendimento médico mais rápido e eficaz, principalmente em áreas remotas e carentes de recursos. Ele destacou ainda a redução de custos e o aumento da acessibilidade aos serviços de saúde, além da melhoria na qualidade do atendimento e na prevenção de doenças.

Telemedicina

Ronaldo Caiado, que também é médico, afirmou que o uso da telessaúde contribui com um atendimento mais prático e assertivo. Citou, como exemplo, a contribuição de profissionais em torno de um caso clínico, via telemedicina.

“Médicos qualificados podem participar, esclarecer e debater o quadro do paciente; opinar como o tratamento ou o ato cirúrgico devem ser feitos; qual melhor técnica; se é necessário deslocar ou não este paciente.”

A fala do governador ilustra o que já é realidade em Goiás. Desde o início deste ano, a telessaúde é utilizada como estratégia de monitoramento da dengue. Diante do aumento de casos da doença, o Estado incentivou a criação de gabinetes nos municípios para troca de informações e alinhamento de condutas.

Paralelo a isso, a Secretaria da Saúde (SES) utiliza telemedicina para comunicação entre seus médicos e profissionais das prefeituras, de forma a melhorar o atendimento ao cidadão.

 Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo linkFTN BRASIL

Durante o congresso, o governador conheceu a I Mostra de Saúde Digital, iniciativa do Governo de Goiás, por meio da SES, que apresenta alguns produtos tecnológicos, como o boletim virtual do paciente e a Farmácia Digital do Centro Estadual de Medicação de Alto Custo Juarez Barbosa.

No estande também é realizada uma exposição aberta ao público sobre o Césio 137, que permite aos visitantes uma experiência imersiva e sensorial sobre o acidente radioativo de 1987. Ainda, haverá palestras e salas interativas, além de um hackathon (maratona de programação). Nele, profissionais enfrentam o desafio de desenvolver a melhor solução para questões de saúde propostas no momento da dinâmica.

Realizado pela Associação Brasileira de Telemedicina e Telessaúde (ABTMS), o congresso chega à 11ª edição reunindo, no Centro de Convenções de Goiânia, profissionais, pesquisadores e especialistas renomados de todo o país. O evento começou na quinta-feira (11) e segue até domingo (14).

“É a primeira vez que o Centro-Oeste recebe um evento sobre telemedicina e saúde digital tão importante quanto este”, ressaltou o presidente do congresso, Alexandre Taleb. Segundo ele, a principal meta é conscientizar sobre a possibilidade de haver atendimento médico ético e correto por meio digital.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation