Cuiabá, 18 de Junho de 2024
DÓLAR: R$ 5,43
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Política e Eleições Sexta-feira, 10 de Maio de 2024, 07:52 - A | A

10 de Maio de 2024, 07h:52 A- A+

Política e Eleições / APOIO DO HÉRCULES

Após governo federal dispensar ajuda do Uruguai, Brasil recebe avião da Argentina em Canoas

Em nota oficial, o Ministério da Defesa afirmou que “declinou da oferta da aeronave por restrições de pistas disponíveis para pouso em Porto Alegre”

PAULA VALÉRIA
DA REDAÇÃO

No final da tarde desta quinta-feira (9), um avião Hércules KC-130H da da Força Aérea Argentina (FAA)  pousou em Canoas, de Rio Grande do Sul, trazendo a primeira ajuda enviada pelo governo da Argentina para o estado. O pouso acontece  após o avião argentino fazer várias voltas enquanto aguardava liberação para pouso na Base Aérea, que tem ficado congestionada devido ao alto tráfego aéreo decorrente das operações de resgate na região.

O chefe do Exército da Argentina, general de brigada Carlos Alberto Presti, junto ao ministro da Defesa, Dr. Luis Petri, e ao Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, brigadeiro-general Xavier Isaac, liberou na nesta quinta-feira (9) o um avião Hércules da Força Aérea Argentina com destino a Grande Porto Alegre.

A comissão da Agrupação de Engenheiros 601 que embarcaram no Hércules, é formada por um oficial e sete suboficiais que irão operar duas unidades de tratamento de água com Filtração por Osmose Reversa (FOI), uma delas equipada com envasadora, que fornecerá água segura para a população afetada pelas inundações e para o pessoal do Exército Brasileiro que trabalha nessa operação de proteção civil.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

As unidades têm capacidade para purificar 1.800 litros por hora por meio de microfiltração e 600 litros por hora por meio de osmose reversa.

"ARROGANTES E SOBERBOS"

O governo do uruguai ofereceu a ajuda para enviar um avião Lockheed KC-130 Hércules de transporte e reabastecimento em voo e um conjunto de lanchas, que seriam transportadas no seu interior. Porém o governo federal recusou a oferta e, em nota oficial, o Ministério da Defesa afirmou que “declinou da oferta da aeronave por restrições de pistas disponíveis para pouso em Porto Alegre”.

Reprodução

Avião Hércules do Uruguai

Ainda segundo a pasta, “o Brasil possui a aeronave Embraer KC-390 que atende a necessidade dos transportes, pois pousa em pista menor e transporta maior carga. O trabalho de resgate e apoio humanitário vem sendo feito com 243 embarcações e drones das Forças Armadas”.

Por outro lado, o governo gaúcho ficou decepcionado com a recusa da Defesa e do Itamaraty. Segundo José Henrique Medeiros Pires, secretário executivo do governo do Rio Grande do Sul, informou à Folha de São Paulo, existem outros aeroportos operacionais no RS com condições de receber o Hércules.

A notícia também não foi bem recebida do outro lado da fronteira: aviadores uruguaios relataram  que o fato do Ministério de Defesa ter citado que o Brasil tem o KC-390, que é de fato uma aeronave maior, mais moderna e capaz, soou como atitude soberba ou, nas palavras dos vizinhos, “arrogante”, já que o Uruguai conta com muito menos recursos para a sua aeronáutica.

Inclusive, o mesmo KC-130 já havia , fez havia realizado um voo para Santa Maria (RS) na última terça-feira (7), para levar mais socorristas para dar apoio ao Bell 212 Twin Huey da FAU, que já opera no Rio Grande do Sul desde o último final de semana realizando resgates.

Comente esta notícia

NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO