Cuiabá, 20 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,60
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Política e Eleições Segunda-feira, 15 de Abril de 2024, 17:25 - A | A

15 de Abril de 2024, 17h:25 A- A+

Política e Eleições / UNIÃO ENTRE PODERES

Alckmin se reúne com chanceler da Argentina e discutem fortalecimento do Mercosul e da integração regional

Acordos comerciais e integração física para oferta de gás natural são alguns dos temas tratados na visita

ELISA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin, recebeu nesta segunda-feira (15), a chanceler da Argentina, Diana Mondino. Esta é a primeira viagem da ministra ao Brasil após a eleição do presidente argentino Javier Milei.

“A Argentina é um país parceiro, sócio e amigo do Brasil, com quem temos uma relação estreita há longo tempo e com oportunidades de cooperação em todas as áreas. A relação bilateral Brasil-Argentina é estratégica e deve ser aprofundada”, afirmou o vice-presidente.

Durante a reunião, Alckmin e Mondino discutiram o fortalecimento do Mercosul e da integração regional, a ampliação do comércio intrarregional e dos acordos comerciais intrablocos.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

O vice-presidente ressaltou o interesse do Brasil na ampliação da oferta de gás natural para o abastecimento das indústrias brasileiras, e da importância da Argentina como fornecedora do insumo para o país, a partir da reserva de Vaca Muerta. Para tanto, manifestou a importância de investimentos na infraestrutura de gasodutos.

A Argentina é um dos principais parceiros comerciais do Brasil, com corrente de comércio de US$ 28 bilhões em 2023, em sua grande maioria de produtos industrializados. “Precisamos ampliar o comércio e firmar acordos no âmbito do Mercosul para promover as exportações, aumentando os empregos na nossa região e gerando mais renda”, disse o vice-presidente.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation