Cuiabá, 21 de Junho de 2024
DÓLAR: R$ 5,45
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Geral Quarta-feira, 15 de Maio de 2024, 12:50 - A | A

15 de Maio de 2024, 12h:50 A- A+

Geral / AÇÕES DE REESTABELECIMENTO

Força-Tarefa do Governo Federal reestabeleceu sinais de telefonia e internet em todas as cidades do Rio Grande do Sul

Força-Tarefa do Governo Federal reestabeleceu sinais de telefonia e internet em todas as cidades do Rio Grande do Sul

ELISA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

A força-tarefa do Governo Federal para restabelecer os serviços essenciais no Rio Grande do Sul alcança resultados positivos, devolvendo à população atendimentos como os coordenados pelo Ministério das Comunicações. Durante a 10ª reunião da Sala de Situação nesta terça-feira (14), coordenada pela Casa Civil da Presidência, o órgão informou que todas as cidades gaúchas já estão com algum tipo de conectividade em funcionamento.

"Isso significa que nenhum município está 100% desconectado. Diminuiu também o número dos municípios que estavam parcialmente afetados, de 150 para 125, e já chegamos a 372 municípios sem qualquer problema", explicou o secretário de Telecomunicações, Hermano Barros. Ele acrescentou que o trabalho de restabelecimento está sendo executado em parceria com todas as operadoras de telefonia e de internet que atuam no Estado. Os municípios parcialmente afetados são aqueles que estão com um dos dois serviços ainda em processo de restabelecimento.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL 

O secretário informou ainda que, nesta quarta-feira, o Ministério das Comunicações e o Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional iniciam a instalação de internet nos abrigos. "O primeiro abrigo a ter a conectividade por wi-fi gratuita garantida será o que está instalado no campus da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), na cidade de Canoas", disse. Todos os abrigos terão o serviço de conectividade instalados. O abrigo da Ulbra é o maior do Estado, com cerca de sete mil pessoas acolhidas. 

Na última semana, as operadoras de telefonia, em atendimento ao pedido do Governo Federal, liberaram o roaming de dados e estão oferecendo acesso grátis à internet móvel no Rio Grande do Sul, sendo uma das medidas do plano estratégico para mitigar os problemas de conectividade enfrentados pela população. Com isso, clientes de uma operadora podem utilizar a rede das outras quando necessário, garantindo o acesso contínuo à comunicação.

A Anatel também criou um painel de dados que permite monitorar a situação das redes móveis das empresas Claro, TIM e Vivo, no Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Os dados são atualizados diariamente, às 21 horas, no site da agência.

SERVIÇOS DE SAÚDE — Na reunião, o Ministério da Saúde apresentou os primeiros dados do levantamento sobre os equipamentos públicos danificados no Estado. Até o momento, 121 municípios enviaram propostas para reformas ou reconstrução de equipamentos como unidades de saúde e hospitais públicos. No total, são 284 propostas enviadas pelos sistemas online utilizados pelos governos.

As propostas cadastradas sinalizam necessidades de ampliações de espaços, aquisição de equipamentos, aquisição de novas unidades móveis e construções de novas estruturas. Todas as propostas serão avaliadas pelos técnicos do Ministério, observando as prioridades dos territórios, a partir dos danos causados pelas fortes chuvas e enchentes que colocaram o Estado em situação de calamidade pública.

Essa etapa do levantamento pelos sistemas eletrônicos é justamente para o Governo Federal obter a dimensão dos prejuízos e as necessidades de cada localidade. A partir desses cadastros que os governos federal e estadual terão a previsão do valor a ser investido na reconstrução dos equipamentos públicos.

Comente esta notícia

NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO