Cuiabá, 20 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,60
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Esportes Quarta-feira, 27 de Março de 2024, 09:07 - A | A

27 de Março de 2024, 09h:07 A- A+

Esportes /

Ministério do Esporte defende justiça rigorosa e imparcial contra Daniel Alves e Robinho

Em nota, pasta afirma que continuará trabalhando para prevenir e combater a violência sexual

ELISA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O Ministério do Esporte expressa repúdio absoluto à violência sexual. Os casos envolvendo os ex-jogadores de futebol Robinho e Daniel Alves, que foram condenados por estupro, são extremamente lamentáveis, inadmissíveis e imperdoáveis.

Diante da gravidade dos crimes cometidos, a condenação dos envolvidos é um passo importante, proporcionando alguma forma de justiça às vítimas. A justiça deve ser aplicada de forma rigorosa e imparcial, garantindo que os culpados sejam responsabilizados por seus atos, sem concessões.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

O esporte deve ser um ambiente seguro e inclusivo, especialmente para as mulheres. Educação, conscientização e políticas eficazes são essenciais para garantir este espaço acolhedor para todos.

O Ministério do Esporte continuará a trabalhar para fortalecer políticas e ações que contribuam para a prevenção e o combate à violência sexual, bem como para o apoio às vítimas e a construção de uma cultura de respeito e dignidade no esporte e na sociedade.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation