Cuiabá, 21 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,60
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Destaque Sexta-feira, 19 de Abril de 2024, 17:24 - A | A

19 de Abril de 2024, 17h:24 A- A+

Destaque / FORÇAS ARMADAS

Presidente da República participa da cerimônia do Dia do Exército em Brasília nesta sexta-feira (19)

Durante o evento, houve entrega de condecorações a autoridades civis e militares

ELISA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou na manhã desta sexta-feira (19) em Brasília, do evento de celebração do Dia do Exército. A instituição completou 376 anos de história e soma atualmente mais de 200 mil homens e mulheres.

O evento no Quartel-General do Exército do Setor Militar Urbano contou com a presença do ministro da Defesa, José Múcio, do comandante do Exército, general Tomás Miguel Miné Ribeiro Paiva, além de representantes do alto escalão das Forças Armadas e de militares que compõem o efetivo.

Durante o evento, foram condecoradas com a “Ordem do Mérito Militar” e a “Medalha Exército Brasileiro” autoridades e instituições civis e militares que prestaram relevantes serviços ao Exército.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

No discurso lido pelo general Tomás Miguel Miné Ribeiro, ele rememorou que o surgimento do Exército é atribuído à Primeira Batalha dos Guararapes, em 19 de abril de 1648, que marcou a união entre portugueses e brasileiros que, mesmo em desvantagem numérica, derrotaram as forças holandeses que buscavam invadir a Capitania de Pernambuco. O general reforçou o caráter de Estado do Exército no papel de promoção da paz e da defesa das fronteiras e dos recursos naturais do país em todos os biomas. 

“Integramos uma Instituição de Estado, alicerçada na hierarquia e na disciplina, que se mantém coesa pelo culto a valores consagrados desde Guararapes. Estamos sempre prontos para garantir a soberania do país, protegendo nossas fronteiras e guardando nossas riquezas, bem como conduzindo ações subsidiárias que contribuem para o desenvolvimento nacional, que ajudam na preservação ambiental e que aliviam o sofrimento da população em meio a desastres naturais”, afirmou o general.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation