Cuiabá, 18 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,54
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Polícia Sexta-feira, 01 de Março de 2024, 11:20 - A | A

01 de Março de 2024, 11h:20 A- A+

Polícia / CONTRA ATOS DE VÂNDALOS

Polícia Federal deflagra a 25ª fase da Operação Lesa Pátria em Brasília

O supremo Tribunal Federal expediu 34 mandados judiciais para esta quinta-feira

PAULA VALÉRIA
DA REDAÇÃO

Na manhã desta quinta-feira (29) a equipe da Polícia Federal deflagrou a 25ª fase da Operação Lesa Pátria, com o objetivo de identificar pessoas que financiaram e fomentaram os fatos ocorridos em Brasília (DF), que aconteceu no dia 8 de janeiro de 2023 no ato antidemocrático onde vândalos invadiram o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal,  promovendo violência e dano generalizado contra os imóveis, móveis e objetos daquelas Instituições.  Apura-se que a quantia dos danos causados ao patrimônio público possa chegar à cifra de R$ 40 milhões.

Conforme divulgado pela PF, " ao todo, estão sendo cumpridos 34 mandados judiciais, sendo 24 mandados de busca e apreensão, três mandados de prisão preventiva e sete de monitoramento eletrônico, todos expedidos pelo Supremo Tribunal Federal. Ações ocorrem no Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Tocantins, Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Espírito Santo e Distrito Federal".

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

Também foi determinado pel STF a indisponibilidade de bens, ativos e valores dos investigados.

Os fatos investigados constituem, em tese, os crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, dano qualificado, associação criminosa, incitação ao crime, destruição e deterioração ou inutilização de bem especialmente protegido.

As investigações continuam em curso, e a Operação Lesa Pátria é permanente, com atualizações periódicas acerca do número de mandados judiciais cumpridos e pessoas capturadas.

Medidas judiciais

24 mandados de busca e apreensão (8 – TO), (6 – SP), (2 – MS), (3 – PR), (1 – RS), (1 – MG), (1 – ES), (2 – DF)

3 mandados de prisão preventiva (1 – SP), (2 – DF)

7 monitoramentos com tornozeleira eletrônica (1 – MS), (3 – PR), (1 – RS), (1 – SP), 1 – MG)

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation