Cuiabá, 24 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,66
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Polícia Sábado, 13 de Abril de 2024, 11:30 - A | A

13 de Abril de 2024, 11h:30 A- A+

Polícia / EM ÁGUA BOA

Polícia Civil conclui inquérito contra autor de homicídios tentado e consumado praticados no mesmo dia

Antes dos crimes, autor estava ingerindo bebida alcoólica, dizendo que iria "matar um"

DA REDAÇÃO

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Água Boa, conclui nesta sexta-feira (12.04), o inquérito policial apurou os crimes de tentativa de homicídio e homicídio consumado, praticados pelo mesmo homem em um único dia, em dois lugares distintos no município.

Conhecido na região como “Cowboy”, o autor dos crimes foi preso em flagrante no mesmo dia dos fatos. Na conclusão do inquérito presidido pelo delegado Danilo Rodrigues, o investigado foi indicado pelos crimes de tentativa de homicídio qualificada pelo motivo fútil e homicídio qualificado pelo motivo fútil.

Os crimes ocorreram no dia 05 de abril deste ano, sendo identificado nas investigações que o suspeito estava ingerindo bebida alcoólica em um bar da cidade e dizendo a todo momento que naquela noite "mataria um".

Em determinado momento, sem motivação aparente, tentou matar a primeira vítima com uma faca, ferindo seu pescoço e mão. Depois disso, ele a arrastou para fora do bar pelos pés e após a vítima implorar para não ser morta, a polícia acionada o suspeito fugiu do local, sem concluir o seu objetivo.

Horas depois o suspeito partiu em busca de sua segunda vítima, a procurando primeiramente na residência de um amigo dizendo que "precisava acertar uma conta" com ela. Depois o criminoso foi até a casa da vítima e aproveitou que o seu desafeto estava dormindo, para efetuar duas facadas contra a vítima, uma no peito e outra no pescoço, sem qualquer possibilidade de reação.

 Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo linkFTN BRASIL

Assim que foram acionadas sobre os fatos, isso as forças policiais diligenciaram e conseguiram prender o suspeito em flagrante na posse de uma faca na cintura. Questionado, o preso confessou aos policiais que cometeu os dois crimes, porém em interrogatório na delegacia, optou por permanecer em silêncio.

Em checagem no sistema na delegacia, foi verificado que o suspeito já possuía mandado de prisão em aberto por crime de violência doméstica cometido no Estado do Tocantins. A prisão em flagrante do autor dos crimes foi homologada e posteriormente convertida em preventiva.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation