Cuiabá, 24 de Julho de 2024
DÓLAR: R$ 5,59
FTN Brasil | Jornal de Verdade

Geral Segunda-feira, 04 de Março de 2024, 08:44 - A | A

04 de Março de 2024, 08h:44 A- A+

Geral / FIM DAS DÍVIDAS

Desenrola Brasil fará parte de mutirão de combate à inadimplência nesta segunda-feira (4)

Também na segunda-feira, às 10h30, em São Paulo, será lançada a exposição “Arte na Lona - A Educação Financeira em Arte”, com apoio do Ministério da Fazenda

ELISA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O Programa Desenrola Brasil, do Ministério da Fazenda, fará parte, a partir da próxima segunda-feira (04) até o dia 28 de março, de um mutirão de renegociação de dívidas. Os interessados poderão acessar as ofertas do MegaFeirão Serasa e Desenrola de forma presencial, em São Paulo, no Palácio dos Correios, no centro histórico da capital, como mais uma opção, além dos sites do Programa Desenrola Brasil e da Serasa Limpa Nome . Também nesta segunda, o MF apoia a abertura da exposição “Arte na Lona - A Educação Financeira em Arte”, no Palácio dos Correios, no centro histórico de São Paulo.

Acesse nosso canal de notícias no WhatsApp pelo link: FTN BRASIL

Mais de 700 empresas participam do mutirão de negociação de dívidas, entre bancos, financeiras, comércio varejista, operadoras de telefonia e securitizadoras, dispostas a oferecer ainda mais facilidades para quem deseja regularizar os débitos neste início de ano. Concessionárias de água e energia também fazem parte do feirão para facilitar a quitação de contas básicas. Ao todo, mais de 550 milhões de ofertas estão disponíveis no MegaFeirão, além dos descontos de até 96% do Programa Desenrola, que se encerra no dia 31/3.

No Palácio dos Correios, no Vale do Anhangabaú, os interessados poderão receber, de forma presencial, auxílio para encontrar as ofertas e os descontos e fechar acordo sem nenhum tipo de taxa ou custo adicional, até o dia 28 de março, das 10h às 18h. Para isso, os funcionários dos Correios foram treinados pela equipe da Serasa.

Exposição

Para marcar o momento em que a educação financeira está em pauta no país, o Ministério da Fazenda apoia a exposição “Arte na Lona: A Educação Financeira em Arte”, organizada pela Serasa e pelos Correios, no Palácio dos Correios, em São Paulo.

A exposição reúne obras de 18 pintores, artistas plásticos, ilustradores, grafiteiros e muralistas que participaram do projeto Serasa na Estrada. Um artista de cada estado por onde passou o caminhão de atendimento do “Projeto Serasa na Estrada” reproduziu, em pintura, a sua visão sobre a importância da educação financeira para o brasileiro.

Durante a abertura da exposição, o influenciador digital Thiago Godoi, o “Papai Financeiro”, e a jornalista Ana Leoni, do Valor Econômico e da Rádio CBN, coordenarão um painel em que será apresentado um estudo inédito sobre educação financeira. Também participarão do bate-papo Valéria Meireles, a “Psicóloga do Dinheiro”, a secretária-adjunta da Secretaria de Reformas Econômicas do Ministério da Fazenda, Ana Maria Netto, o vice-presidente da Serasa, Pedro Dias Lopes, e o representante da Bolsa de Valores B3 e CEO da PDTec Adriano Pahoor.

Integração de plataformas

O Programa Desenrola Brasil pode ser acessado por meio do site da Serasa Limpa Nome desde o último dia 09/02. Com a integração entre os dois sites , os usuários logados na plataforma da Serasa conseguem ver que têm oferta do programa e ser redirecionados para o www.desenrola.gov.br , no qual é possível consultar as dívidas e fazer os pagamentos nas condições do programa, sem necessidade de um outro login.

A Serasa é responsável por mais de 6,5 milhões de consultas diárias sobre empresas e consumidores. Todos os meses, mais de 26 milhões de pessoas acessam o site e o aplicativo da Serasa. Com a parceria do MF com a Serasa, mais de 1,4 milhão de consumidores já acessaram os canais da Serasa para negociar as dívidas do programa Desenrola.

Cerca de 12 milhões de pessoas já foram beneficiadas pelo Desenrola Brasil, que propiciou a negociação de R$ 36,5 bilhões em dívidas. Os descontos médios na plataforma do programa são de 83%, alguns casos chegando a 96%, com pagamento à vista ou parcelado sem entrada, e com até 60 meses para pagar. As ofertas do Desenrola estão disponíveis até o dia 31 de março, para a faixa 1 do programa, que consiste nas negociações feitas por meio do site, desde outubro de 2023.

A faixa 1 contempla pessoas com renda de até dois salários mínimos ou inscritas no CadÚnico. Ela engloba as dívidas que tenham sido negativadas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2022, e não podem ultrapassar o valor atualizado de R$ 20 mil cada (valor original de cada dívida, sem os descontos do Desenrola).

Além das dívidas bancárias, como cartão de crédito, também estão incluídas as contas atrasadas de outros setores, como estabelecimentos de ensino, energia, água, telefonia e comércio varejista. A plataforma permite a renegociação até mesmo com bancos em que a pessoa não tenha conta, podendo escolher aquele que oferecer a melhor taxa na opção de pagamento parcelado.

Outra vantagem do programa para quem tem duas ou mais dívidas (mesmo que com diferentes credores) disponíveis para negociação na plataforma do Desenrola é poder juntar todos os débitos e fazer uma só renegociação, pagando à vista em um único boleto ou PIX, ou financiando a prazo o valor total no banco de preferência.

Em julho de 2023, a primeira fase do Desenrola Brasil começou com os principais bancos retirando, automaticamente, 10 milhões de registros de dívidas de até R$ 100 dos cadastros de inadimplentes. Ao mesmo tempo, tiveram início as negociações das dívidas bancárias feitas diretamente pelos bancos credores (faixa 2 do programa) com pessoas com renda mensal de até R$ 20 mil. Essa faixa se encerrou no fim de dezembro.


Participação do Ministério da Fazenda na abertura do MegaFeirão e da exposição “Arte na Lona: A Educação Financeira em Arte 

Data: Segunda-feira (4/3)

Horário: 10h30

Local: Palácio dos Correios - Praça Pedro Lessa, nº 1 - esquina com a Avenida São João, Vale do Anhangabaú, centro históriico de São Paulo.

Comente esta notícia

Esse est et proident pariatur exercitation